Sobre cachorros e macacos

Categories Todas
0

Apartamento de Zé e Lúcia. Quarto. Dia.

Os dois estão acordando.

- Bom dia.

- humkmlkfdngjlkjdhgl.

- Foi dormir tarde ontem?

- Fiquei vendo filme.

- Tava vendo o quê?

- 2001.

- Você já não viu mil vezes?

- Tava revendo pra ir na exposição do Kubrick. Quer ir?

- É o dos macacos?

- O Kubrick? Macacos?

- O filme. Não tem uns macacos?

- Eu não usaria essa referência para resumir o filme, mas sim, temos alguns macacos no início do filme.

- Junto com aquele tablete gigante de Hershey`s?

- O monolito negro gigante que contém o segredo de toda a existência?

- Nossa, aquele começo é o maior sonífero da história. Funciona mais que Lexotan.

- Lúcia, não vamos começar o dia com heresias, ok?

- Um porre. E aquela música de comercial de geladeira então? Insuportável.

- Não fala essas coisas pras outras pessoas não, tá? Sério. Pega mal pra mim.

- Falo o que eu quiser. Filme besta.

- Para.

- Os macacos são macacos mesmo ou são gente vestida de macaco?

- QUÊ?

- Os macacos.

- Lúcia, que que você acha?

- Não sei, to perguntando. Nunca passei dessa parte.

- Claro que são atores, Lúcia.

- Que tosco.

- Por que tosco?

- O Marley não era ator e era muito mais engraçado.

- Que Marley?

- Como “que Marley”? Em que mundo você vive? Marley e Eu, Zé.

- Jura que você tá comparando o Marley com o Kubrick?

- Claro que não. O Marley dá pra ver até o fim.

- …

- E o Marley ainda dá pra entender.

- Lúcia, é um filme sobre um cachorro que morre. Como que alguém não vai entender?

- “Um cachorro que morre.” Como você é insensível.

- Eu vou fazer o café.

- Como você pode falar uma coisa dessas sobre o Marley? É uma história baseada em fatos reais, sabia?

- Vou comprar pão. Precisa de mais alguma coisa?

- Eu a-do-ro filme baseado em fatos reais.

- Queijo. Acho que o queijo acabou.

- Eles são tipo a Monga?

- Quem?

- Os macacos.

- Que macacos?

- Do Herchey´s.

- Quem é Monga?

- Monga, a Mulher Gorila. Você nunca foi ao Play Center?

- Que Monga. É Conga.

- Que Conga. É Monga.

- No Tivoli é Conga.

- Em São Paulo é Monga.

- Conga, a Mulher Gorila.

- Aqui Conga é um tênis.

- No Rio, Monga é uma mulher com problemas mentais.

- Onde é o Tivoli? Você nunca me levou lá.

- Era na Lagoa mas não existe mais.

- Nem o Playcenter.

- Que triste, não?

- Você acha que a Conga e a Monga são a mesma pessoa?

- Acho que vou ver o Kubrick sozinho.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>